Miscelânea

Jardim japonês (parte 4)

Jardim japonês (parte 4)


Jardim japonês: parte 1, parte 2, parte 3, parte 4.

  • Jardim japonês no hemisfério norte
  • Por onde começar a criar um jardim de estilo japonês?
  • O jardim japonês perfeito

Jardim japonês no hemisfério norte

Não deve imitar o que
o que foi herdado dos ancestrais,
em vez disso, você deve se esforçar para
o que eles estavam buscando.
Base Matsuo (1644-1694)
(Traduzido por Z. Arushanyan)

Então, tentamos criar um jardim japonês em miniatura - nosso primeiro "Bonkei".

Eis como o poeta e diplomata francês Paul Claudel descreveu seus sentimentos ao olhar para a "floresta" de seis bordos de bonsai, que literalmente congelaram no local diante da obra do mestre, imerso em pensamentos: “Olhando para esta árvore decídua, não pude deixar de me imaginar em um bosque de bordo. Pareceu-me ouvir o chilrear dos pássaros nos galhos ".

Você pode ter uma sensação semelhante ao olhar para o seu jardim em miniatura. Mas talvez com o tempo você decida criar um jardim japonês não em miniatura, mas em tamanho real, e não em uma bandeja, mas em sua casa de verão. Então, o conhecimento adquirido ao criar bonkei será muito útil para você. Claro, o clima ameno das ilhas japonesas é significativamente diferente de nossos invernos gelados, mas a beleza harmoniosa do jardim japonês é tão impressionante que jardins semelhantes são criados em vários países, incluindo os países do hemisfério norte.

Assim, jardins japoneses começaram a ser criados no Reino Unido, EUA e outros países, já a partir da década de 1860. Uma das principais tradições que persistem nos jardins japoneses é a atitude em relação às mudanças que ocorrem nas plantas e paisagens no jardim com a mudança das estações. O jardim japonês é lindo e bem cuidado em qualquer estação, mesmo em invernos com neve e geada, o que, aparentemente, é um dos principais fatores que tornaram o jardim japonês tão popular em todo o mundo. Recentemente, os arquitetos de jardins japoneses apresentaram o princípio de adaptar as tradições dos jardins japoneses às diferentes condições climáticas. Para fazer isso, ao criar um jardim japonês, a precipitação anual, as quedas de temperatura e o tipo de solo são levados em consideração.

Todos esses fatores determinam os tipos de plantas que podem ser usados ​​para criar um jardim japonês. Por isso, os arquitectos japoneses propõem plantar plantas que não só correspondam às condições climáticas da zona onde se encontra o jardim, mas também originárias desta área, como as mais adaptadas e capazes de sobreviver nas condições locais. Um dos fatores importantes que determinam a escolha das plantas é o tipo de água utilizada para irrigação em uma determinada área. A utilização de plantas originárias da zona onde se encontra o jardim reduzirá significativamente a quantidade de água necessária para a rega, o que é importante, digamos, nas condições da sua falta.

Por onde começar a criar um jardim de estilo japonês?

Acredite em dias melhores!
A ameixeira acredita:
Ela florescerá na primavera.
Base Matsuo (1644-1694)
(Traduzido por Vladimir Sokolov)

Primeiro, você precisa decidir que tipo de jardim japonês gostaria de criar em seu site, quais elementos do jardim japonês você vai colocar lá e quais plantas plantar. Normalmente, muitos elementos diferentes são colocados em jardins japoneses, então você precisa decidir se seu local tem espaço suficiente para acomodar pelo menos um lago ou riacho com uma ponte sobre ele e algumas árvores. Plantas menores podem ser colocadas em torno desses elementos básicos do jardim. Depois é preciso traçar uma planta do jardim, levando em consideração a forma do local e seu relevo.

O próximo passo será a formação ou desenho de um lago, riacho ou cachoeira. Os elementos água devem ser colocados antes de todos os outros, pois ocuparão uma parte significativa do espaço do jardim. Além disso, o tamanho do tanque ditará a potência da bomba de água, que é necessária para manter a água borbulhando no riacho e não estagnada no tanque. Mas, se você não tiver a oportunidade de criar um lago ou riacho real, então esses elementos podem ser recriados a partir de cascalho fino azul ou cinza, dando ao "canal" de tal riacho ou lagoa a forma apropriada. No meio da lagoa, você pode criar uma ilha na qual você pode plantar uma árvore, um arbusto ou colocar uma lanterna.

Se você decidir soltar carpas de carpas japonesas, que são um elemento importante do lago de jardim japonês, em um lago de verdade, não se esqueça de instalar uma bomba adequada para que a água do lago permaneça saturada de oxigênio. A profundidade do tanque para a carpa koi deve ser de pelo menos 50 cm. Existem várias subespécies de carpa koi, que vêm em cores diferentes. Normalmente, compram-se pequenas carpas, que são melhor liberadas na estação mais quente. Se as carpas koi vivem em grandes extensões de água e são bem alimentadas, elas podem crescer até um tamanho grande. Portanto, é necessário monitorar o número de carpas no tanque para coincidir com o tamanho da carpa desejada, e lembrar que no inverno, as carpas grandes têm mais chance de sobreviver.

Quando a temperatura cai para + 10 ... + 5 ° C, as carpas precisam de um regime especial de alimentação e uma ração de fácil digestão, e em temperaturas abaixo de + 5 ° C, o processo de digestão das carpas koi desacelera e a alimentação deve ser suspensa . A uma temperatura de + 4 ° C, que será mantida após a formação de gelo (até 10 cm de espessura) na superfície do tanque, as carpas koi hibernam. Nas latitudes setentrionais, as carpas terão que ser hibernadas e a água aquecida com equipamentos especiais. Em geral, criar carpas koi em um lago é uma arte separada!

Não esquecendo do espaço livre coberto com areia ou saibro, então deverá escolher um local para colocar um conjunto de grandes pedras, cujo número deve ser sempre ímpar. Ao colocar pedras, coloque-as de forma que as pedras fiquem estáveis. Para fazer isso, eles devem ser colocados no lado mais largo, mergulhando cerca de um terço no solo ou areia. Além disso, você pode colocar pedras menores sob a pedra grande para que ela não vacile. Normalmente, uma pedra arredondada inferior e uma pedra plana são colocadas próximas ou próximas a uma pedra vertical alta.

Depois disso, você precisa determinar por onde os caminhos passarão. Para dar ao jardim um sabor tradicional, será necessário colocar pontes, lanternas, bancos junto à água ou debaixo de uma árvore, uma fonte de bambu e uma bacia de banho, um miradouro, um arco ou uma sebe com trepadeiras. Um pequeno pagode de pedra ou um grande sino budista usado durante a meditação proporcionará uma grande decoração. Você também precisará estabelecer caminhos com pedras de formato irregular. Os caminhos não precisam ser confortáveis ​​para caminhadas rápidas, já que o jardim japonês foi feito para isolamento e reflexão.

Em um jardim japonês, o melhor é plantar sempre-vivas que irão encantar os olhos com cores vivas em qualquer época do ano. São várias variedades de thuja, zimbro, larício e, sobretudo, pinheiro, que é a árvore principal do jardim japonês.

Pinheiros são encontrados no Japão em todas as esquinas, quase em todos os portões de um jardim japonês. O pinheiro simboliza boa sorte e longevidade e é o emblema da imutabilidade. Nos casamentos, você pode ver dois vasos lado a lado com ramos de pinheiro quase idênticos estendendo-se um em direção ao outro. Em um dos vasos há um galho com estroboscópios femininos e no segundo - com estroboscópios masculinos, enquanto o galho “feminino” está localizado um pouco abaixo do “masculino”. Esses ramos simbolizam uma união eterna, uma comunidade no amor, que é alcançada por cônjuges que viveram em um casamento feliz por muitos anos.

Existem até 125 espécies de pinheiros que crescem no Hemisfério Norte até o Círculo Polar Ártico. As diferentes variedades de pinheiros variam em tamanho, desde árvores altas até árvores semelhantes a arbustos, como o duende-cedro. O pinheiro é pouco exigente para o solo e pode crescer em solos marginais onde muitas outras árvores não podem crescer. Isso se deve ao fato de o pinheiro possuir um tipo de sistema radicular superficial, que pode se desenvolver em uma camada fina (1-2 cm) de solo fértil que se encontra na areia. Muitas variedades de pinheiros são amplamente utilizadas em árvores bonsai.

Árvores de folha caduca incluem carvalho, bétula, olmo e álamo tremedor. E, claro, é impossível imaginar um jardim japonês sem flores de cerejeira, que podem ser substituídas por aquelas variedades de cerejeiras, assim como ameixas que crescem em climas frios. As macieiras e ameixeiras em flor não são menos coloridas, podendo também ser colocadas harmoniosamente no seu jardim. Ao lado das árvores, grupos de arbustos devem ser plantados: espinheiros, thuja, sod, cotoneaster brilhante, bem como hortênsias, bérberis, amêndoas da estepe, forsítia, lilases, cogumelos simulados e, é claro, kerria japonesa e marmelo japonês.

Dos cítricos, pode-se escolher o kumquat redondo (Fortunella japonica), que, sendo um arbusto perene japonês de até 2,5 m de altura, pode suportar temperaturas de até + 4 ... -10 ° С. No entanto, o kumquat redondo para de crescer se a temperatura cair abaixo de + 13 ° C, embora seja desejável manter a planta em temperaturas mais altas, pois assim o fruto terá um sabor mais doce. Os frutos são ricos em pectina, por isso fazem compota e geleia, mas também são consumidos crus.

Outra planta cítrica do Japão - yuzu (Citrus junos), cujos frutos são usados ​​na culinária japonesa da mesma forma que os limões, pode suportar uma queda de temperatura para -4 ° C. A casca da fruta yuzu contém óleo com um aroma peculiar. No Japão, existe uma tradição de tomar banho com frutas yuzu no solstício de inverno. Os frutos são cortados ao meio ou inteiros, colocados num saco e colocados em água quente.

Ao final do trabalho de plantio, será necessário plantar plantas de cobertura do solo como arabis ou rezuha, aubrieta ou aubretia, sedum ou sedum. Diferentes variedades de saponárias florescendo com flores multicoloridas e arbustos pervincas perenes de baixo crescimento terão uma boa aparência. Você pode plantar uma variedade de plantas de cobertura do solo que terão épocas de floração diferentes. Da mesma forma, você deve selecionar arbustos, árvores e flores que podem ser plantadas em vasos ou em pequenas "ilhas" próximas a uma cerca viva, riacho ou colina. Rochas e elementos de pedra podem ser plantados com musgo que cresce no lado norte de pedras e lanternas de pedra. Lanternas de pedra raramente são acesas em jardins japoneses, pois são usadas principalmente para iluminação em jardins de templos. Mas eles parecem coloridos em qualquer época do ano, graças à sua forma e aos musgos âmbar ou verdes que crescem sobre eles.

Os musgos e líquenes ocupam um lugar especial no jardim japonês, sendo o elemento principal do jardim em certos tipos de jardins denominados jardins de musgo. Um tapete de musgos como o linho cuco verde escuro (Polytrichum) e o leucobryum verde-amarelo (Leucobryum) chamam a atenção por suas cores ricas, absorvem o ruído e têm um efeito calmante. Os líquenes crescem lentamente e selecionam rochas rochosas, cascas de árvores, agulhas de pinheiro, podridão, bem como itens de vidro, metal e plástico. A falta de luz inibe o crescimento dos líquenes, e o excesso - aumenta o brilho de sua cor. Os líquenes são plantas tolerantes à geada e à seca. E o que é especialmente importante para os interessados ​​na ecologia do entorno, alguns líquenes (como a Lobaria pulmonaria) podem servir de indicador da pureza do ar. Musgos e líquenes compensam a falta de cores vivas no início da primavera, quando os botões ainda não floresceram, e no final do outono, quando as flores murcham e as folhas caem nas árvores.

O jardim japonês perfeito

Parece que a resposta à pergunta sobre o que é um jardim japonês é simples: é um jardim criado de acordo com a tradição nacional japonesa. O grande designer do jardim japonês, Kobori-Enshu (1579-1647), acreditava que o jardim ideal deveria ser "... a doce solidão da paisagem na névoa do luar com o crepúsculo entre as árvores".

O arquiteto britânico Josiah Conder, considerado o pai da arquitetura japonesa moderna pelos japoneses, foi um dos primeiros europeus a dizer que a estética dos jardins japoneses pode ser aplicada fora do Japão. Tendo projetado dezenas de prédios públicos no Japão, em 1893 ele escreveu que o método japonês revela princípios estéticos que permitem transformar em poema ou pintura uma mistura que, com toda a variedade de detalhes, carece de unidade e de sentido.

Graças a este método, o jardim japonês, sendo objeto de paisagismo, atingiu o patamar de uma obra de arte, na qual cada um descobrirá algo de que necessita. Para alguns, pode se tornar um lugar para contemplar a forma incomum de pedras, arcos curvos de pontes, plantas artisticamente colocadas e riachos balbuciantes. Por outro lado, o jardim pode se tornar uma espécie de paraíso terrestre, um lugar de solidão, meditação e restauração da vitalidade. Alguém será capaz de discernir o simbolismo oculto nele, revelando os segredos do universo, e juntar-se à sabedoria dos antigos. Mas para todos nós, o jardim japonês servirá como uma fonte diária de inspiração criativa e satisfação estética que podemos trazer para nossa casa e jardim.

Zarine Arushanyan, Yerevan


Descrição e elementos principais [editar | editar código]

Normalmente, um jardim de pedras é uma área plana, a maior parte da qual é coberta com areia ou pequenos seixos. Mas o elemento principal são, à primeira vista, os grupos de pedras brutas caoticamente localizados nele. No entanto, a desordem é apenas aparente, de fato, a disposição e composição das pedras em grupos obedecem a certas regras que emanam dos conceitos de cosmovisão do Zen Budismo. As pedras são organizadas em grupos de três, de acordo com a tríade budista. Na superfície do jardim, com auxílio de um ancinho, são feitos sulcos ao longo do lado mais comprido do jardim, formando círculos circulares em torno das pedras. Tradicionalmente, acredita-se que a superfície do jardim simboliza o oceano e as pedras simbolizam as ilhas, mas o visitante do jardim pode imaginar algo próprio em seu lugar. O jardim de pedras dá continuidade à arquitetura da casa e depende do seu interior. Funcionalmente, os jardins de pedras são projetados para a meditação, o desapego da agitação do mundo e os problemas cotidianos. O projeto de tais estruturas, obedecendo às normas do Zen Budismo, enfatiza o desejo japonês de admirar a natureza, a meditação e a solidão. Aqui, princípios como a capacidade de ver o encanto do comum e a graça da simplicidade aparecem de forma explícita.

Além disso, uma das principais características do jardim de pedras é que, onde quer que o observador esteja, seu olhar cairá sobre um número igual de pedras.


Jardim japonês

Os jardins japoneses têm um charme especial. Apesar da aparente imobilidade, eles parecem ganhar vida na frente do espectador, enchendo-o de uma sensação de beleza.

Não existe uma fórmula mágica para ajudá-lo a criar jardins japoneses. Você só precisa de imaginação e percepção sutil do público.
Na maioria dos casos, os materiais naturais que requerem substituição mais frequente e os materiais não artificiais, embora duráveis, são adequados para jardins japoneses. Por exemplo, sebes de bambu terão que ser substituídas em alguns anos, mas são insubstituíveis em um jardim japonês.

No projeto de um jardim japonês, pedras grandes e pequenas são elementos importantes. Essa tradição sobreviveu desde os primeiros jardins no Japão, quando as pedras do jardim eram altamente valorizadas e consideradas obras de arte. Pedras separadas e reunidas em uma composição são o "esqueleto" do jardim.

O cascalho é mais frequentemente usado em jardins feitos na técnica chamada "paisagem seca". Os jardins japoneses são dominados por cascalho branco prateado, que pode adicionar luz a áreas mal iluminadas, e o cascalho pode ser padronizado para se assemelhar ao movimento da água.

Ao planejar os elementos individuais do jardim, considere como eles se encaixam no esquema geral. O melhor resultado é quando as composições individuais são combinadas harmoniosamente em um único todo.

A água desempenha um papel importante nos jardins japoneses, pois sugere movimento.O uso da água proporciona uma sensação de ritmo e uma atmosfera de paz. A água borbulhante, fluindo ou caindo, tem alta energia e ao mesmo tempo traz tranquilidade.

Código de incorporação do BB:
O código BB é usado em fóruns
Código HTML incorporado:
O código HTML é usado em blogs como o LiveJournal

Como vai ficar?

Os jardins japoneses têm um charme especial. Apesar da aparente imobilidade, eles parecem ganhar vida na frente do espectador, enchendo-o de uma sensação de beleza.
Não existe uma fórmula mágica para ajudá-lo a criar jardins japoneses. Você só precisa de imaginação e percepção sutil do público.
Na maioria dos casos, os materiais naturais que requerem substituição mais frequente e os materiais não artificiais, embora duráveis, são adequados para jardins japoneses.
Leia o artigo


Anúncios regulares

Mudança no atacado de rolos de gramado Sistema de irrigação da Dinamarca e garantia Tashkent

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 12:42

Makka Doni 50 Tonnaa Bor

Teraklar bor sotiladigan 5 dona baland

500.000 soma

Tomate, achchik kalampir, oshkovok, berinjela, kuhatlari búlgaro

Paisagismo do sistema de irrigação de gramados no atacado

Tashkent, distrito de Mirzo-Ulugbek Hoje 11h56

Semeadura de gramados de marca, irrigação automática, paisagismo

Tashkent, distrito de Yakkasaray Hoje 11h56

Gramados artificiais em primeira mão. Primeira mão, qualidade 100%

Tashkent, distrito de Sergeli Hoje 11h53

Semeando gramados de marca, preenchimento automático, sistema de irrigação paisagista

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 11h53

Relva Artificial. Garantia de qualidade 100% no atacado

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 11h48

Atirgul aniq sortlar

Role o gramado e a rega. Qualidade europeia

Tashkent, distrito de Almazar Hoje 11h43

Rolar gramado e sistema de irrigação

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 11h43

Rolar gramado e sistema de irrigação, chave na mão

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 11h43

Gramado vivo pronto com instalação

Tashkent, distrito de Yakkasaray Hoje 11h42

Atacado Archalar .. promoção superior ..

350.000 soma

Tashkent, distrito de Bektemir Hoje 11h37

Semeando um gramado e plantando um gramado rolante

Tashkent, distrito de Mirzo-Ulugbek Hoje 11h36

Tulipas são lindas

Nitrato de fertilizantes minerais

106.000 soma

Tashkent, distrito de Sergeli Hoje 11h22

Kiwi kochatlarimiz bor 3 yillik

Hosildor limão, apelsin va tangerina kochatlarimiz bor. conceder 100%

Er sotiladi uchkuprikda

Barcha turdagi SUNIY GAZONLAR. Ishlab chiqaruvchidan URGAZ CARPET

100.000 soma

Relva artificial. Parede fito de paisagismo vertical

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 10:59

GRAMADO ROLADO na qualidade Tashkent N_1 somente conosco

Tashkent, distrito de Yakkasaray Hoje 10:58

Gramados laminados de um revendedor autorizado + paisagismo

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 10:58

Pronto ao vivo gramado de JOHONSON e gramado americano

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 10:56

Relvados da empresa JOHNSONS

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 10:54

Semeando gramados de marca, preenchimento automático do sistema de irrigação, paisagismo

Tashkent, distrito de Yunusabad Hoje 10:50

Ramos de Vivyz Jardim-Horta de vegetais Poda de árvores Daraxt kesish

Tashkent, distrito de Mirzo-Ulugbek Hoje 10:47

Grama artificial de escolha

Tashkent, distrito de Yashnabad Hoje 10:47

Grama artificial no Uzbequistão! Do fabricante URGAZ CARPET

100.000 soma

Shamshod kuhatlari 16yillik

500.000 soma

Terak

500.000 soma

Tashkent, distrito de Sergeli Hoje 10:46

Rolar e semear gramado

Tashkent, distrito de Yakkasaray Hoje 10:46

Rolo de gramado e sementes por atacado

Tashkent, distrito de Shaykhantakhur Hoje 10:44

Rolos e gramados artificiais

Tashkent, distrito de Mirzo-Ulugbek Hoje 10:43

Role grama de um revendedor oficial

Tashkent, distrito de Shaykhantakhur Hoje 10:42

Chamokzor 10 gektor sotiladi purl zarurligi uchun sotyabman arzonrok ..

Aqueligia (também chamada de águia ou bacia hidrográfica)

Tashkent, distrito de Mirzo-Ulugbek Hoje 10:39

Desculpe, mas este anúncio não está mais disponível

No entanto, você pode encontrar anúncios semelhantes nesta categoria.


Assista o vídeo: Japan Olympics XCO Test Race Part 4